segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Acordei afim de uma briguinha


Havia sonhado com o filme Rocky VII. “Diabos”, pensei, “se Rocky VI pra mim já foi uma merda, por que iriam fazer outro filme? Stallone comeu bosta?”. Aquilo me revoltou. Fiquei afim de caçar briga.
Sei lá, tem dia que é assim. Tem dia que estou a fim de apanhar, que nem mulher de massagista. É engraçado isso. Hein? Não? Não é engraçado? Desculpe.
Cheguei no serviço e já não cumprimentei ninguém. Vieram com aquele “Bom Dia” estranho pro meu lado (aquele que traduzindo, significa: “Já que você não me deu bom dia, estou lhe dando agora!”). Mandei pra mãe que pariu. Mas ninguém quis briga. Sei lá, tem dia que é assim. Tem dia que ninguém está a fim de apanhar, que nem mulher de chapa.
Na hora do almoço, fui para um restaurante barato. Na TV (daquelas penduradas na parede, lá em cima, onde mal dá para se ver e muito menos ouvir) estava passando aquele desenho das 3 espiãs na Xuxa. “Diabos”, pensei, “parece que na TV há sempre uma história com 3 espiãs: As Panteras (série e filmes), 3 Espiãs Demais (que nomão pouco forçado, hein?) e agora esse desenho japonês As espiãs. Vou inventar algo mais criativo. Vou inventar as 4 espiãs (uma lésbica, uma emo, uma morta-viva e uma gordinha-que-sempre-atrapalha a serviço de uma rede de espionagem. Legal, né? Mas eu desviei o assunto.
Bom, estava eu almoçando e vendo o tal desenho da hora do almoço (vendo daquele jeito que mais vê do que presta a atenção), quando um moleque começou a gritar do nada. Sabe aqueles gritinhos irritantes de menino pequeno? Aqueles bem aguçados? Manha pura? Pois então. E o pior é que, sempre que tem um desses, a mãe automaticamente é daquelas que não fazem NADA pra calar a boca do pentelho. Muito pelo contrário, ficam rindo e olhando pra gente, como quem diz: “essas crianças de hoje, né?”. Pois bem. Eu já ia me levantando pra quebrar tudo (e muitos sabem que eu quebro mesmo), quando um homem pediu:
- Gente, eu estou querendo assistir o jogo. Alguém se importa se eu mudar de canal?
Nem pensei e já respondi:
- Opa! Eu me importo sim, campeão! Deixa rolar o desenho aí, que eu estou vendo.
- Tudo bem. – disse ele, sem-graça. – Mas e se você for contra? E se todo mundo concordar em mudar de canal?
- Tem problema não, grande. Eu compro a briga!
Péssimo negócio, pois ninguém mais discordou de mim. Ninguém queria briga mesmo naquele dia. Até o pentelho que gritava, pareceu prever minha reação de antes e ficou calado.

O resto do dia também não fora produtivo com brigas. Até xinguei meu pai de filho da puta, mas, ao invés de ‘partir pra pancada’, ele só me deu um sermão que doeu mais do que um chute no saco. Foi então que pensei: “À noite é melhor! Posso visitar o bairro mais violento dessa cidade e mexer com uns marginais! Que ótima idéia! Quem sabe eu não realize meu sonho, e morra brigando?”.
Então, à noite, fiz uma visita a um bairro chamado “Santa Salúvia” (por que os lugares mais violentos sempre têm nome de santo?). Mal entrei e vi um bando de marginais (eram uns 8) puxando um fumo. Cheguei a uns 2 metros deles e gritei:
- Ô VIADO! Ô VIADO! IIIIICHEEE!!! CHAMEI UM E TODO MUNDO OLHOU!! HAHAHHAHAHAHAH!!!
Foi então que eles se levantaram, me encarando. Parecia que iam partir pra cima.
- Ó! E NÃO É QUE OS VIADÕES ESTÃO VINDO MESMO? HAHAHHAHA!!!
Então, eles me cercaram, com cara de poucos amigos. Um deles se aproximou de mim. Pensei: “beleza, é agora que o pau vai comer! Vamos distribuir alguns socos, baby!”. Então ele disse:
- Ei, cara! Sabemos que você deve estar com algum problema, mas não vale a pena fazer isso não, amigo. A gente aqui é pessoal do bem, não queremos encrenca. Se está com algum problema, pode conversar conosco, sim? Quem sabe não podemos lhe ajudar?
- É isso aí! Vamos ser amigos, é bem melhor! – disse outro, batendo levemente no meu ombro.
Aquela, com certeza, fora a maior SURRA que eu já havia tomado...

12 comentários:

Carlos Filho disse...

O pessoal vai achar q é mentira, pq vc disse 8 marginais? Quando aconteceu tinha só 6 lá!
Bom isso foi o que eu contei...e de longe...

jorge de marques disse...

KKKKKKKKKK

Ótimo! Foi uma bela surra afinal. Às vezes achamos as coisas mais inesperadas nos lugares mais improváveis.

CONSELHO DO DIA: Compre um saco de boxe e um daqueles ossos falsos pra cachorro. Morda-o com força e espanque o saco. O de boxe é claro. heheheh.

Cissa Teixeira Oliveira disse...

Cara, simplesmente perfeita sua idéia de criar as 4 Espiãs... rsrsrs...

E nesse dia vc aprendeu que nem sempre é preciso apanhar para levar pancadas, né?!

Flavio Carvalho disse...

Uai, a vontade passou?

vamos pra Ituverava, lá
é só tirar o boné das pessoas que
elas querem brigar.

Não avise Pro Eduardo, porque
ele vai apaziguar,

falou,

Carlos Filho disse...

Hahahahahahaahaha...
Ituverava let's go!

Pietro disse...

Ituverava, terra de Felipe!

Ciro M. Costa disse...

Hahahahahahhahahahahah!! Naquele posto eu não volto mais, nem de dia! Hahahhahahahahah!!!

Marciel disse...

Eu também acordei a fim de uma briguinha hoje.
Você pode ver lá no Jornaloide.com como estão indo minhas coisas.

Felipe Carvalho disse...

Terra de Felipe! Hahahahahahahahahaha Será que isso é bom? :O

Felipe Carvalho disse...

Otimíssimo, Cirão!!!

De fato as surras morais doem muito mais!!! Texto bastante oportuno para os dias correntes! Fica até um gosto de baunilha nos dentes! XD

Pietro disse...

Otimíssimo, Cirão!!!

De fato as surras morais doem muito mais!!! Texto bastante oportuno para os dias correntes! Fica até um gosto de baunilha nos dentes! XD

argh, lemòn disse...

...pra vc ver q nem quando a gente quer se foder rola o êxito. Certamente sua atitude pra cima da galerinha legalize foi SINISHTHRA, eu mesmo se tivesse armado sairia correndo. Taí, testarei isso na próxima oportunidade, tenho certeza de que pacificarei...

Choque do blanka é um clássico, ser aloprado é mandar um desses no soco forte, e carregando pra trás pra sair de bolinha. Nesse mesmo horário é mais BONITO o NARUTO q passa no sbt. Com direito ao coro: DYNAVISION, DYNAVISION, DYNAVISION...