terça-feira, 28 de julho de 2009

A hora da verdade

Tudo começou no momento em que o mar tocou a areia, tudo era pó, tudo era só, tudo era dor, não havia amor.

Nada mais importava, não que houvese algo que realmente deveria ter importância, mas era necessário que alguém falasse, então o mais machucado, o mais ferido emocional e psicológicamente secou suas lágrimas com a manga da camisa, olhou no fundo dos olhos de seu algoz e disse em alto e bom som

_VAI TOMAR NO SEU CÚ, SEU FILHO DA PUTA!

À partir daquele momento sua vida mudara, ele começara a descobrir o caminho para a felicidade.

4 comentários:

Ciro M. Costa disse...

uai credo...

Carlos Filho disse...

Poemeiro!

Cecilia Teixeira Oliveira disse...

Peeeeeeeeeeeeeeerfect!!!

Parabéns!!!

Bruno Carvalho disse...

Sempre muda depois do vai tomar no cú! isso é terapia, cara!!