quarta-feira, 2 de abril de 2008

Mundo!


Hoje senti uma dor no corpo, dor de cabeça. Será Dengue?
Olhei minha carteira e percebi que faltava dinheiro, olhei minha sala e não vi a TV, o som e meu DVD player, será que fui roubado?
Vi também que no meu extrato bancário, o valor descontado do meu IPVA e IPTU foi bem maior.
Olhei uma senhora sendo roubada e pensei: Será que é verdade mesmo?
A senhora caída no chão, ai sim, uns a levantavam, outros falavam que o mundo é injusto, mas ninguém chamou a policia, ou será que a policia não veio, não pode ser!
Percebi também que minha cota de moedas na carteira estava bem pequena, quando lembrei que só hoje, dei moedas a mais de 5 mendigos.
Vi no noticiário, cada um luta por um Deus, e ninguém aceitar a Deus do outro. Que o Deus de cada um é mais justo, mais bondoso. Protege, mas cada qual morre por atitudes banais e tolas pelo seu Deus Todo Poderoso.
Olhei para o relógio e vi que mais uma vez estava atrasado e mais uma vez não tinha como mudar o mundo. E mais uma vez acordei desse sonho, levantei e parei de enxergar as injustiças do mundo. Agora sim vivo no mundo real, onde o que eu vejo de mal é só fechar oi olho e ver que nada é de verdade. Posso voltar a escrever, comer e fazer o que gosto!

5 comentários:

Ciro M. Costa disse...

E assim caminha a humanidade, caro Noé!
E assim caminha por cima...

Pietro disse...

É meu caro Noé!(rimou)

O mundo não pode ser mudado!

Mas tudo gaz parte!

Senhor Capitão disse...

Mundo, mundo.
Melhor começar a construir sua arca, Noé.

Noé Sobrinho disse...

Vocês, jovens, destroem esse mundo!

Sessyllya disse...

O importante é a gente fazer a nossa parte. Não é o suficiente pra mudar o mundo, mas é o bastante mudarmos a nós mesmos...